Amar é nunca ver o outro como opção, mas como a sua extensão.